Tubos de alumínio estão substituindo os de cobre na refrigeração

Como já vimos, a instalação de um ar condicionado split pode, em alguns casos, custar mais do que o próprio aparelho. E isso não acontece apenas com os splits – vários outros equipamentos de refrigeração também podem ter custos elevados de instalação.

Tais custos levaram muitas empresas a procurar soluções para reduzi-los. Uma dessas soluções, que cada vez ganha mais espaço na instalação de ar condicionados splits, é a substituição dos tubos de cobre por outros, feitos de alumínio.

Por o alumínio ser um mineral muito mais abundante na crosta terrestre do que o cobre e bem mais leve (aproximadamente 30% do peso cobre), é natural que seu preço seja bem menor.

A vantagem, em termos de custo, é clara: enquanto um rolo de tubo de cobre flexível de ¼  custa em torno de R$ 64,14, o rolo de tubo de alumínio, com a mesma bitola sai a R$ 23,11 – uma economia de aproximadamente 64% em tubulação ao se usar o alumínio ao invés do cobre.

O tubo de alumínio pode ser usado perfeitamente no lugar do de cobre mas requer alguns cuidados no manuseio, que veremos abaixo.

Tubo de alumínio

O tubo de alumínio vem substituindo o cobre na refrigeração

Cuidado ao trabalhar com tubos de alumínio

Limpeza das ferramentas de tubulação

A poeira residual do cobre presente nas ferramentas pode causar furos ao penetrar na tubulação de alumínio. Por isso o instalador deve limpar cuidadosamente as ferramentas de tubulação (flangeador, curvador, cortador de tubos, etc..) de modo a deixá-las sem poeira de cobre. Pode-se fazer essa limpeza com palhas de aço e detergentes comuns.

Idealmente o instalador deveria ter um conjunto de ferramentas de tubulação para cobre e outro para o alumínio. No entanto, isso requer investimento, que muitas vezes grande parte dos instaladores não tem condição de fazer. Limpando bem as ferramentas ele conseguirá utilizá-las tanto em tubos de cobre quanto de alumínio, sem causar furos nesses últimos.

Contato entre o alumínio e o latão de conexões

Na região de contato entre o alumínio e as conexões de latão (porcas, emendas, niple, etc..) em presença do ar atmosférico pode ocorrer o fenômeno chamado corrosão galvânica. A solução é evitar o contato do alumínio com o latão e o ar através de fita PVC, tinta, etc.

A corrosão galvânica só ocorre na presença do ar atmosférico. Por isso apenas na parte em que exista presença de ar deve-se evitar o contato direto do alumínio e do latão. Dessa forma, não há motivo para se preocupar com a possibilidade de corrosão galvânica no interior da conexão. Já a parte mais externa, essa sim deve ser isolada – veja a figura abaixo.

É necessário isolar o alumínio do latão em presença do ar atmosférico para evitar a corrosão galvânica

Fabricantes de tubo de alumínio para uso na refrigeração

Dentre os principais fabricantes de tubos de alumínio para uso na refrigeração podemos citar a Hydro e a Belmetal.